QUANDO MODA NO MUSEU TORNOU-SE SINÔNIMO DE ARTE

Há algum tempo venho pesquisando os caminhos pelos quais a moda pode adquirir uma conotação artística e, nesse sentido, surgiu a pauta para a última revista Duetto Fashion #6 – Choque de Criatividade.

Dentro desse contexto, abro um breve parêntesis para a entrevista que Ronaldo Fraga deu ao Portal FFW, dizendo que sem alma, a coisa não vai. E é exatamente o que eu sempre pensei, por isso, motivo para gostar ainda mais do trabalho desse artista mineiro que fala da sua arte, também, através da moda. Esse é dos bons! :)  

Voltando à moda no museu. Desde quando tornou-se sinônimo de arte? Você confere a investigação no artigo abaixo. Nele, entrevisto a artista e estudiosa da interseção entre moda, arte e história, Ingrid Mida, que realiza um estudo minucioso e bem interessante sobre esse assunto e publica, constantemente, o resultado da pesquisa no seu blog, Fashion is my Muse.

Falo, também, com o curador independente Douglas Negrisolli, que nos dá uma pista sobre o cenário da moda nos museus no Brasil.

Aproveite!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s