APPLE WATCH NA SELFRIDGES

Abri o canvas para escrever esse post e me lembrei desse aqui, que redigi há exato um ano. O Apple Watch, na ocasião, ainda não havia sido lançado e seu suposto nome seria “iWatch”, lembram? Hoje, a wearable está num super marketing spot, nas 24 vitrines da Selfridges, em Londres.

E não só ali. A estratégia para seduzir fashionistas envolveu também a aparição do produto em publicidades na Vogue América e até uma capa, na Vogue China. A ideia é mesmo associá-lo ao mundo da moda o mais rápido possível, porque o pessoal já entendeu que só inovação tecnológica não vai vender wearables, não. Google Glass lhes ensinou o que não fazer.

Publicidade de 12 páginas na Vogue US (Março 2015) e capa na Vogue China (Novembro 2014) – acionando afeto desejo das meninas. 

Sobre a empreitada da marca na loja de departamentos londrina, Paul Deneve  – diretor de projetos especiais da Apple e ex-maison Saint Laurent –  afirma para a Wallpaper:

“Estamos entusiasmados em ver as flores do Apple Watch inspirar tão belo design e vê-lo ganhar vida nessa fantástica instalação.” São 24 flores grandes, 50 médias e 5.524 pequenas, criadas utilizando diferentes métodos, como impressão em 3D.

_TF10801 _TF10972 _TF20707 _TF20840 Close-up-rendering peony selfridges_apple_watch_window_3

Todas as imagens via Wallpaper

Para garantir o realismo (notável), cada espécie de flores foi fotografada em stop-motion, algumas delas precisando de mais de 24 mil shots, ao longo de 285 horas. A pintura das peças foi realizada à mão por artistas, de forma meticulosa.

11870727_10153441989191253_3027399592557739528_n

Imagem via cpp-luxury.com

Deneve é um dos nomes que injetam o fashion factor no branding da marca, atualmente. A força-tarefa parece ser arregimentar o time feminino para o target de consumidores da marca, que é eminentemente masculino. A ideia é fazer com que o produto torne-se aspiracional, emanando uma aura trendy, not geek, capaz de convencer as mulheres a querer usá-lo.

Leia sobre a obsolescência programada de marcas como a Apple, aqui.

Voltando à ação da Selfridges, é a primeira vez que uma marca toma todas as suas 24 vitrines, desde 1909, na sua inauguração, com uma recriação de cenas de Watteau e Fragonard. Aliás, o link de hoje é para a série Mr. Selfridge, da itv, que encontrei ao tentar cavar as imagens da tal vitrine histórica, para esse post.

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=Ich3GSKiEQ8]

Entrou para a minha lista, eu não conhecia. E você?

Anúncios

One thought on “APPLE WATCH NA SELFRIDGES

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s