A NOVA BELEZA DA WIRED ITÁLIA

Provavelmente vou trazer mais posts como este. Aquela tal pensata, sem me preocupar com o SEO de cada dia dos redatores de blog. Agora que estão todos no Youtube – “youtubers” são os novos bloggers, não é isso? – acho que posso largar o dedo nessa máquina aqui e deixar a criatividade ir além das regras cagadas pelo Google. Aliás, tudo sempre pôde, Raquel, assuma: era eu é que não fazia mesmo, mea culpa.

Vivo uma relação de amor e ódio com esse espaço desde que ele foi criado. Tentei estabelecer um compromisso que eu sempre soube não poder cumprir, mas sustentar o tal trato comigo mesma mantinha uma certa dignidade, minha e do blog, sabe como? Um negócio meio eu não te cobro e você não me cobra, e seguimos juntos felizes assim. Eu nunca tive a menor pretensão de conseguir escrever diariamente, apesar de tentar diversas vezes conciliar mais posts na minha semana louca. Sigo tentando.

Despretensão. Um dos bons adjetivos da nova fase da edição italiana da Revista Wired, e é sobre isso que vim aqui falar. A sua nova linha editorial não tem pressa, acontece quando tem de acontecer, ao seu tempo justo: avisou logo o editor quando a publicação passou por essa mudança radical.

Receita prática para um bom conteúdo, vale ler.

No geral, as suas matérias eram sempre sobre tecnologia e design, com mais bossa que a Info, no Brasil. Mas eles deixariam essa concorrência de resenhas e artigos sobre novos gadgets para, bem, a concorrência. Pelo menos na edição impressa, sobre a qual me debruço aqui.

©Reprodução

E abriram caminho para um novo tempo que precisamos entender melhor. “Precisamos”, porque me incluo nessa geração afogada pela infomaré: a nova Wired é uma revista que reflete o momento. Uma espécie de filosofia da estética, da ciência e da tecnologia, mas não só.

A Wired Italiana abraça uma linha de raciocínio e vai firme com ela até a última virada de página, completa: da primeira à quarta capa, entre capítulos (sim, ela é dividida em capítulos), um projeto gráfico impecável e contemporâneo, de chorar de tanta beleza.

E é sobre ela, a beleza, que a edição outono 2016 versa. A proposta da revista é pensar sobre como o digital mudou nossos cânones estéticos. O jornalista não está presente ativamente nas matérias, na verdade, convidados assinam cada texto com o pano de fundo da estética do belo.

belezza_wired“Sem distinção de sexo, de raça, de língua, de religião. É o belo da nossa Constituição, o contínuo chamado à igualdade dos cidadãos e dos seus direitos: por isso a educação para o respeito às diferenças é fundamental no nosso país.” Monica Cirinnà. A foto amadora é claramente minha.

Alguns nomes que assinam a edição? Alejandro Jodorowsky, Julian Assange, Monica Cirinnà – responsável pela lei que reconhece a união civil entre pessoas do mesmo sexo, aprovada em 20 de maio desse ano, aqui na Itália -, o artista Christo, Marina Silva. Marina Silva? Sim, assina um importante texto sobre leis ambientais, sua relação com o clima e o futuro, no capítulo “Libertà”. Bom texto.

Eu tenho um apreço muito grande pela mídia revista, boto fé no formato, sou grande fã e sei quanto custa imprimir uma edição como essa. Por isso, trato um conteúdo como esse produzido pela nova fase da Wired como um livro: o digital pode até fazer deixar de existir essa “beleza” impressa, num futuro distante – mas por um bom tempo as duas coisas ainda vão continuar por aí.

Uma boa revista é, sob meu juízo, atemporal. Mas a Wired entrou para minha estante também como registro do nosso tempo em 2016, assim como o jornal aqui de Fermo, que noticiou os terremotos pelos quais passamos. Assim como os jornais do princípio do “novecento“, que comprei no mercado antigo, em agosto de 2015.

Vai ser bacana ler tudo de novo, no futuro. E fico por aqui.

Vale o clique: quem assina o design editorial da Wired Italia é o Estúdio PITIS. Com louvor ;)
Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s